Ana Lula destaca 45 anos da morte de Allende e compara cenário chileno ao Brasil atual

Escrito por Débora Melo Ligado TPL_WARP_PUBLISH . Publicado em Notícias

Em um discurso histórico, a deputada estadual Ana Lula destacou os 45 anos da morte do grande líder socialista então presidente do Chile, Salvador Allende, data que marcou a instituição de um dos golpes militares mais sanguinários da América Latina. Ana Lula traçou um paralelo entre o cenários do Chile em 1973 e o do Brasil no momento atual, marcado pela destruição do Estado Democrático de Direitos, com o apoio do mercado internacional americano, destacando que o alvo agora é o maior líder político do Brasil e da América Latina: LULA.

No dia em que Allende morre lá, em defesa da democracia, da distribuição da riqueza, em defesa da dignidade humana, aqui também, a partir de hoje, continuaremos nas ruas. Não podemos mais dizer Lula Presidente, mas podemos dizer que o presidente orientado por Lula chama-se HADDAD”

Hoje também é o dia em que o Supremo Tribunal Federal , que vem contribuindo com o estado de exceção que estamos vivendo também está impondo que nós do Partido dos Trabalhadores tenhamos que substituir o nome do nosso companheiro Lula para concorrer à Presidência da República”, lamentou Ana Lúcia, destacando que às 14h30 o Diretório Nacional do PT concederá coletiva de imprensa para informar sua posição diante do fato.